Miscelâneas do Eu

Expressar as ideais, registrar os pensamentos, sonhos, devaneios num pequeno e simplório blog desta escritora amadora que vos fala são as formas que encontrei para registrar a existência neste mundo.

Não cabe a mim julgar certo ou errado e sim, escrever o que sinto sobre o que me cerca.

A única coisa que não abro mão é do amor pelos seres humanos e incompreensão diante da capacidade de alguns serem cruéis com sua própria espécie.

Nana Pimentel

quarta-feira, 26 de maio de 2010

PENSE!


Devemos julgar um homem mais pelas suas perguntas que pelas respostas.
Voltaire

Já parou pra pensar sobre isso?
Quando perguntamos qualquer coisa estamos detidos em saber a resposta e essa resposta dirá o porque  tivemos a intenção de perguntar. Maluco mas real.


4 comentários:

  1. Nossa, nunca tinha pensado nisso! O post foi curto e certeiro. Não tenho nem mais palavras aqui.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Ola beleza? vi seu blog em uma comunidade achei bem legal, mas tipo
    tenho uma dica para tu da um Up nele,passa ele para um
    dominio profissional gratis, tipo o google indexa mais rapido e vc ganha
    bem mais visitas alem de parcerias e dinheiro si for o caso. Tem suporto a CNAME, MX entre outros é bem profissa mesmo

    Aqui neste forum tem varios tutoriais olha ai:

    Dominio Profissional Gratis

    Tem também uma Video aula:

    Video Aula Dominio Profissional Gratis

    Espero que ajude..
    Até mais

    ResponderExcluir
  3. Olá, Nana! Quanto ao comentário que vc deixou no meu blog "Política ou Politicagem?", fique à vontade para publicar aquele ou qualquer outro texto meu, desde que citada a fonte e/ou link da postagem original, ok? Obrigada pela visita e parabéns pelo seu blog!
    Érika.(http://politicapoliticagem.blogspot.com/2005/07/diferena-sutil.html)

    ResponderExcluir
  4. Nana, também nunca havia pensado nisto. Talvez seja porque acredito que todas as repostas já estão dentro da gente mesmo, basta que prestemos atenção. Ou que simplesmente, fiquemos um pouquinho calados. Muita gente tem uma mania de tagarelar sem parar e não presta atenção ao seus próprios sentimento e instintos. Tudo está dentro de nós. Talvez naquele cantinho tão secreto que nem mesmo nós descobrimos ainda. Mas sempre é tempo. Beijocas, tua alma irmã, Julinho

    ResponderExcluir

Volte sempre!

Volte sempre!

Pesquisar este blog

Minha estante de livros!