Miscelâneas do Eu

Expressar as ideais, registrar os pensamentos, sonhos, devaneios num pequeno e simplório blog desta escritora amadora que vos fala são as formas que encontrei para registrar a existência neste mundo.

Não cabe a mim julgar certo ou errado e sim, escrever o que sinto sobre o que me cerca.

A única coisa que não abro mão é do amor pelos seres humanos e incompreensão diante da capacidade de alguns serem cruéis com sua própria espécie.

Nana Pimentel

domingo, 9 de novembro de 2014

O passeio de Micaele


Micaele L.


Um dia eu fui à Montenegro.
Precisava ir ao bairro SENAI, na casa de uma amiga.
Não sabia como ir até lá e acabei me perdendo.
Vi pessoas passarem acompanhadas e eu era a única que estava sozinha.
Na Praça dos Ferroviários me sentei para descansar. Lembrei que quando eu era pequena minha tia me levou a casa da minha prima Jaqueline. A casa ficava bem perto dali porque sempre brincávamos nos balanços da praça. Arrisquei numa direção. Não deu muito certo, pois sai na margem do Rio Caí. Já que não conseguia lembrar como cheguei ali, resolvi que a solução seria ir até o Parque Centenário e pegar novamente o ônibus para casa.
Então, pedi informações para umas pessoas que foram me indicando como chegar até lá. Estava cansadíssima ao chegar no parque, com sede e fome. Fui para o ponto de ônibus e retornei para casa. Ir sem conhecer o caminho, nunca mais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Volte sempre!

Volte sempre!

Pesquisar este blog

Minha estante de livros!